J, de jaca



Já que não estou aqui para enganar ninguém, vou logo deixando as coisas claras: detesto, odeio, tenho horror a jaca, mas reconheço o valor de uma fruta ao mesmo tempo tão comum e exótica. Fechada ela ainda engana - pode ser redonda, alongada, pequena ou enorme - por fora a jaca tem uma bela côr e uma linda casca. Em compensação, depois de aberta seu cheiro a leva pelo caminho oposto, rumo ao muito desagradável. Mas como tudo na vida, há quem goste.
A jaqueira entrou no Brasil pela Bahia vinda da Índia não faz muito tempo, no século XVIII, e tomou o país. Hoje ela é cultivada em toda a costa e na Amazônia. Eu a conheci de perto - talvez perto demais - nos morros uma vez verdes da Gávea no Rio. Minha casa era rodeada de enormes jaqueiras e não raro escutava o barulho da fruta madura descendo lá do alto, atravessando a folhagem e se espatifando no chão. Uma jaca grande deve ter mais de 10kg, então dá para imaginar o tamanho do susto que a gente às vezes levava.
Jaca é tão surpreendente que o que se come dela são as centenas de bagos cobertos por uma capa grudenta, pegajosa e, claro, fedorenta, que existem em seu interior. A maciez desses bagos define se o tipo da jaca é "manteiga" - pura calúnia associar manteiga a jaca - ou do tipo "dura". Em geral os bagos são comidos crus, in natura, mas deles também são produzidas geléias e doces. Para quem pretende mesmo enfiar o pé na jaca, provar os licores e aguardentes feitos da fruta é sem dúvida a melhor opção.
Bela mas fedorenta, exótica mas popular, simples mas complexa, amada e odiada, a jaca é talvez uma das frutas mais incompreendidas, não me atrevo a dizer injustiçadas, que existem por aí. Mas minha impressão é que ela é tão indócil e difícil que nem mesmo o Triogros, mestre em olhar nossas frutas com outros olhos, conseguiu inventar um prato decente com jaca. Prá mim jaca só no pé, e de preferência num pé bem alto e distante.

Comentários

Andrea disse…
Ah, quanta injustiça com a jaca! Onde moro só se encontra em calda vinda de algum país do Sul da Ásia, não me lembro qual. No entanto, nunca tive coragem de provar essa jaca enlatada. Fica a saudade do Brasil... onde também é difícil de encontrá-la para comprar. Em Berlin é vendida numa loja gourmet de frutas e delícias de todo o mundo. Preço: 25 Euros cada.
Cris Beltrão disse…
jaca só no pé... ou pé só na jaca!
Como estou profunda hoje.
Eduardo Luz disse…
Jaca é igual ao Brasil nos anos 70. Ame-o ou deixe-o.
Eu estou mais do lado do Médici. (esta é cifrada pros mais velhos !)
rodrigo touso disse…
Cumpadre! Lindo Blog, lindo!
Peço licença para reproduz (com toda a sua fonte) seu post do médico. Fome seu blog dá!
Juliana disse…
aqui tambem so se encontra compota de jaca - ou jackfruit. mas nao custa tudo isso nao! afe!
Garfo & Faca disse…
obrigado por linkar o nosso modesto "Garfo & Faca" no seu blogroll. é um prazer trocar receitas e sabores com os amigos.

Um amplexo saboroso do Garfo e da Faca.
Frigideira disse…
Entendo que o blog é seu...e faz e escreve nele o que entende, agora chamar o aroma de uma fruta de fedorento??? por mais estranho que possa nos soar....
Anônimo disse…
Sou amante de jaca e sinto muitíssimo vê-la tão descriminada e rejeitada. Acabo de saborear um super-nutritivo suco de jaca com acerola. Conheço quem faça uma magnífica torta com essa mesma fruta tão desprezada neste blogger." É a ingnorânça que astravanca o pogreço". Isso é Brasil!
Paco Torras disse…
Pelo jeito não se pode nem mais não gostar de um fruta que nem brasileira é....isso sim é o retrato do Brasil de hoje. Que pena.
Só hoje é que fui ler esse seu post sobre a jaca. Achei engraçadíssima a polêmica que se criou aqui nos comentários... Afinal, a jaca é igual a tudo na vida: uns gostam, outros não. Simples assim!
Mas,lembrei que teria sido legal a Danúsia Bárbara ter entrado nesses comentários. Outro dia ouvi ela contar que uma vez fez um desafio a um chef famoso:elaborar todo um almoço (entrada, prato e sobremesa) à base de jaca. Ela disse que ele cumpriu a tarefa com louvor! Isso é que é talento!
Anônimo disse…
Achei muito de mal gosto os comentários que se fez a jaca. Para mim é uma das mais deliciosas frutas que existe. Não precisava falar tão mal assim, já que tudo é uma questão de gosto.

Postagens mais visitadas