cool hit counter

Artigos

Receitas

Entrevistas

Restaurantes

Livros

Vinhos

Degustações


12.2.07

Porque...

...vinhos vendidos em taça são tão caros?
...pessoas insistem em usar o Nextel como rádio mesmo em restaurantes?
...não existem bares aqui? Simplesmente bares onde a gente senta num grande balcão para beber e beliscar como os americanos e europeus podem fazer?
...tem gente que faz fila para comer mal?
...alguns donos de restaurantes quando respondem reclamações de clientes feitas pelo jornal, insistem que aquilo não aconteceu, que o cliente está inventando, que no restaurante deles é tudo perfeito?
...é tão difícil encontrar um pão decente no Rio?
...nem clientes nem restaurantes cariocas gostam de reservar mesa para comer e não ter que enfrentar fila na porta?
...donos de restaurantes permitem que seus manobristas estacionem carros de clientes sobre calçadas e faixas de pedestre?
...quando a conta do restaurante vem errada, é sempara para mais?
...restaurantes que um dia foram bons, mas que hoje são ruins de dar dó, conseguem sobreviver só pela fama que criaram?
...o tamanho das letras dos cardápios diminuiu tanto nos últimos anos? :)
Alguém sabe?

Marcadores:

9 Comments:

Anonymous Roberta Malta said...

Boas questões para reflexão...

A minha pergunta: se a conta vier errada pra menos, você reclama?

Eu entendi a dos restaurantes q vivem pela fama q criaram. Em alguns a decadência é visível, em outros não. Foi isso q vc quis dizer?

12/2/07 23:10  
Blogger Paco Torras said...

Em geral digo que a conta está errada sim. Só se o serviço foi muito ruim e a diferença pequena que não mostro.
Decadência, acomodação, mofo...tem um monte de restaurantes famosos que ganha, uma sobre vida sabe-se lá por quê...A pizzaria do Raul foi um deles. Ficou rateando, patinando e insistindo em não acabar enquanto ainda tinha gente que ia lá pensando que comeria aquela pizza maravilhosa que o cara fez durante anos em Ipanema...

13/2/07 10:21  
Anonymous PF said...

A lembrança do Raul foi ótima! Lembro de ir comer lá com meu irmão... Uma pizza grande para cada um! Como a gente conseguia fazer isso???
Aqui em São Paulo tem o Dom Curro que está uma verdadeira bomba há muitos anos. E cada vez mais absurdamente caro.

13/2/07 23:59  
Anonymous PF said...

Esqueci de comentar que sempre aviso quando a conta vem menor. Se não fizer isso quem vai se dar mal é o garçom, que não tem nada a ver com o pato.

14/2/07 00:01  
Blogger Paco Torras said...

Me ocorreu uma maneira de saber se um restaurante está acabando, é quando troca as lâmpadas por fluorescentes compactas, aquelas de luz azul, saca? Foi exatamente o que aconteceu com o Raul depois que foi prá Barra...

14/2/07 10:29  
Anonymous loris said...

nenhuma vez erraram ao meu favor. é detestável ter que ficar conferindo a conta mas errar é humano.
porque não o número maior de ofertas para meias garrafas?
estacionamento em cima da calçada, o campeão para mim é o Mr. Lam que está destruindo o gramado em frente a minha casa. só carrões.já sei não podem ir à pé ou de taxi mas será que não podem pedir para o motorista voltar depois.realmente nunca acontece como os clientes relatam.afinal o cliente tem sempre razão ou não.
sair de casa para comer mal, ser maltratada e pagar caro e muita burrice minha.beijos

15/2/07 19:49  
Anonymous Nina said...

O mais irritante de tudo pra mim, são uns lugares que chamam dão o nome de patê a uma pasta de maionese. Já vi um contemporâneo assim aqui em salvador, que se auto-denominava restaurante conceito. Medo.

15/2/07 22:11  
Blogger eduardo lima said...

Santo mistério, Paco! Um deles, consegui resolver: pão francês decente tem no supermercado Farinha Pura. Ainda tem um lá na Cobal de Botafogo.

Abraços

16/2/07 22:42  
Blogger joana pellerano said...

restaurante que vive de fama me dá muita raiva... principalmente por quem não sabe disso, tipo turista, que vai crente que vai comer bem, paga caro e sai decepcionado... ô, maldade.

18/2/07 17:36  

Postar um comentário

<< Home