cool hit counter

Artigos

Receitas

Entrevistas

Restaurantes

Livros

Vinhos

Degustações


19.1.07

Primeira chef 3 estrelas

Parece até implicância com as mulheres vinda de um fábrica de pneus, mas fiquei impressionado quando descobri que só agora na edição de 2007, pela primeira vez, a Guide Michelin concedeu três estrelas para um restaurante conduzido por uma mulher.
A honra mais do que atrasada coube à chef Anne-Sophie Pic de 33 anos, do Maison Pic em Valence, França. Confesso que nunca tinha ouvido falar nem dela nem do restaurante mas, pelo que li, na França há poucas mulheres merecedoras dessa tão almejada terceira estrela. Dizem que ela muda a vida de todo chef, para o bem e para o mal.
Parabéns para a Anne-Sophie já que não deve ser fácil aparecer em um mercado tão masculino, mas, pelo menos por aqui, as mulheres têm se destacado mais do que nunca e merecem estrelas há muito tempo. Ano passado a Roberta Sudbrack ganhou todos os prêmios possíveis com aquele jeitinho mineiro e uma simplicidade na cozinha que só os grandes conseguem ter. A Flávia Quaresma com aquela simpatia toda há anos renova seu Carême que fica cada vez melhor, e a Silvana Bianchi faz uma cozinha italiana moderna e criativa como poucos. Isso só para citar três mulheres três estrelas - na minha modesta opinião - no eixo Jardim Botânico/Botafogo.
Não ligo muito para essas classificações de guias, acho que elas acabam criando uma expectativa que é fácil de não ser alcançada. Prefiro entrar num restaurante completamente desconhecido e ser bem surpreendido. Ao contário dos franceses, comer bem e encontrar uma grande chef na cozinha não é nenhuma surpresa para mim.
PS: O amigo Nopisto me corrige: A primeira e até então única chef 3 estrelas francesa ganhou esta classificação em 1933. Veja lá nos comentários outras chefs com 3 estrelas na Espanha e na Itália.

Marcadores: ,

5 Comments:

Anonymous Roberta Malta said...

É por essas e outras q eu gosto do blog desse tal de Paco Torras!

20/1/07 22:04  
Anonymous nopisto said...

Esto no es completamente verdadero.

La primera mujer con 3 estrellas Michelin fué Eugénie Brazier quien hace más de 60 años veía honrado con la tercera estrella su restaurante -una casita de madera- en las montañas, Le Col de la Luère, después de habérselas ganado ya en Lyon con su archifamoso La Mère Brazier, abierto en 1921. La mère Brazier mantuvo hasta 1968 su tercera estrella.

En Italia Nadia Santini de Dal Pescatore, en Lombardía hace tiempo que consiguió las tres estrellas Michelin y en España Carma Ruscalleda las tiene desde el año pasado. Por no hablar de Elena Arzak que ha heredado la que su padre tenía.

Siento no poder falar en portugues pero creo que se entiende.

25/1/07 08:33  
Blogger Paco Torras said...

Nopisto tem toda razão. Minhas fontes é que estavam erradas. Primeiro o guia a que me refiro é o da França, por isso não contam italianas e espanholas. Eugénie Brazier ganhou suas três estrelas em 1933 e teve dois restaurantes com essa classificação. Num deles trabalhou Paul Bocuse. Grácies, nopisto.

25/1/07 10:45  
Anonymous nopisto said...

Obrigado.

25/1/07 13:14  
Anonymous Anônimo said...

Paco,
Obrigada...Reverência, outra reverência!
Beijos,aparece.
Roberta Sudbrack

17/3/07 12:10  

Postar um comentário

<< Home